26 de mar de 2014

Melancolia

O amor nunca morre de 

morte natural.

 Ele morre porque nós 

não sabemos como 

renovar a sua 

fonte.

 Morre de cegueira e dos 

erros e das traições . 

Morre de doença e das 

feridas;


 morre de exaustão, das 

devastações, da falta de brilho.


Anais Nin

0 comentários:

Postar um comentário

Páginas

Obrigado

Seguidores

Abrindo meu Blog hoje, não vi seu nome. Estou esperando sua visita!

Lais monterio



">

Maukie - the virtual cat

SharkBreak - Online Aquarium