14 de out de 2012



Se eu pudesse, faria chover flores na tua vida
Pelas manhãs eu choveria gérberas lilases
Nas tardes, eu choveria hortênsias de cor anil
E nas noites, cobriria o teu céu com as flores de abril

Se eu pudesse, trocaria tuas lágrimas, teu pranto 
Por brisas de alegria, doçura e encanto
Se eu pudesse, clamaria ao sol que nunca deixasse de brilhar
Sobre a tua pupila, teus lírios, teus campos

Se eu pudesse, te ofertaria sons de flautas ao luar
Daria asas aos teus sonhos mais doces
Enfeitaria tua estrada com estrelas douradas
E te presentearia com o infinito do mar.


Arnalda Rabelo
Linda poesia, de grande sensibilidade.

0 comentários:

Postar um comentário

Páginas

Obrigado

Seguidores

Abrindo meu Blog hoje, não vi seu nome. Estou esperando sua visita!

Lais monterio



">

Maukie - the virtual cat

SharkBreak - Online Aquarium